Rua Marechal Deodoro 357 Canoinhas-SC
Canoinhas-SC | Fone 47 3622 4444
jornaldiariodoplanalto@gmail.com

ACD usa bazar como forma de renda auxiliar

O bazar é uma das fontes de renda que auxiliam a instituição

Bruno Marcinichen
ACD - Associação Canoinhense dos Deficientes

Canoinhas - Há cerca de 12 anos a Associação dos Deficientes de Canoinhas (ACD) contribui para a melhora da qualidade de vida dos deficientes físicos de Canoinhas e região. A entidade mantém serviços de apoio aos associados e contribui para a inclusão social.

Para o presidente da ACD, José Clever Pereira Gomes, a associação funciona de maneira para manter o contato entre os associados e a administração do município. Gomes também conta como é importante conhecer a realidade das pessoas com deficiência no município. “Conhecer a realidade da pessoa com deficiência na região é indispensável para saber qual é a demanda necessária para auxiliarmos tais pessoas”, afirma Gomes.

Os trabalhos que a ACD possui envolvem vários profissionais, a equipe conta com assistentes sociais, psicólogos e também fisioterapeutas, além de voluntários e outros profissionais que colaboram com a associação.
Gomes também conta que a ACD possui programas que encaminhas os associados para vagas de emprego e ajuda no desenvolvimento social dos associados.
Todo atendimento que as pessoas recebem na instituição é gratuito, nada é cobrado dos associados afirma Gomes.

São cerca de 500 atendimentos realizados por mês em Canoinhas. Agora a associação possui uma extensão em Três Barras para melhor atender os associados daquela cidade. Gomes conta que um dos objetivos é montar extensões em todas as cidades da região, para que todos recebem atendimentos de qualidade.

O Bazar permanente
A instituição possui varias fontes, doações são o principal meio de arrecadação. Varias empresas, pessoas e outras instituições auxiliam para manter a ACD, comenta Gomes.

Um bazar permanente pode ajudar muito. A Associação dos Deficientes de Canoinhas (ACD) mantém o bazar permanente da instituição como forma de renda auxiliar. São inúmeras doações que a instituição recebe as pessoas que compram também doam materiais que são destinados à venda no bazar.

A responsável pelo bazar, Juraci Hirt, comenta que o bazar é muito procurado. “Muitas pessoas vem ao bazar, compram e até trazem doações”, afirma Juraci. As peças são vendidas com preços a partir de R$ 2,00 e o horário de funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 13h30 até as 17h30.

O bazar fica anexo a ACD, em Canoinhas, na Rua Major Vieira, 1227, centro.

Imagens



Sem título.png

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina