Rua Marechal Deodoro 357 Canoinhas-SC
Canoinhas-SC | Fone 47 3622 4444
jornaldiariodoplanalto@gmail.com

Educação garante R$ 83 milhões para o transporte escolar

Quem sabe agora os problemas de transporte escolar, em Monte Castelo, sejam resolvidos

Da Redação, com Assessoria

 Com um incremento de R$ 13,4 milhões em relação aos R$ 69,6 milhões de 
2010, a Secretaria de Estado da Educação e a Federação Catarinense de Municípios (FECAM) definiram os novos valores do transporte escolar dos alunos da rede estadual para o exercício de 2011. Em reunião com a entidade, o secretário Marco Tebaldi garantiu o repasse do Programa Nacional de Transporte Escolar (PNATE), totalizando R$ 83 milhões anuais.
A Educação e a Federação estabeleceram a correção do valor per capita aluno/ano. O montante dos recursos será distribuído entre as 36 Secretarias de Desenvolvimento Regional e serão pagos em nove parcelas, a partir de março, aos 289 municípios que aderiram ao programa.
Segundo a diretora de Apoio ao Estudante, Rogéria Diefgoli, Santa Catarina é o Estado que mais investe no transporte escolar. “E ainda atendemos os alunos da zona rural e urbana”, destaca.
Até o ano passado, todos os municípios recebiam os mesmos valores, mas a partir deste ano foi criado o índice denominado DEAT (densidade de aluno transportado), ou seja, o número de alunos divididos pela área do município, sendo criado quatro grupos de valores. “Quanto maior a área e menor o índice, maior o recurso a receber”, esclarece o coordenador, Ademir Amaral Ribeiro.

 

Em Monte Castelo

O problema com o transporte de alunos da rede estadual, em Monte Castelo, tem proporcionado preocupação na população.

Para esta segunda-feira, os pais dos alunos da rede pública estadual pretendem fazer um manifesto em frente à garagem dos ônibus da Prefeitura, mas relembramos que este não é um problema com a rede municipal de educação.

Imagens



Sem título.png

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina